Bebê de 2 anos acorda de Coma minutos antes de Desligarem os aparelhos

O pequeno Dylan Askin, um bebê britânico de 2 anos, estava em coma, sem expectativas de melhoras e como num milagre o bebê acorda de coma minutos antes de desligarem os aparelhos.

Ele tinha um tipo raro de câncer nos pulmões entrou em coma por conta do impacto da doença.

Dylan, desde que nasceu, não apresentava melhora. Então os médicos, pediram para os pais a autorização para que desligassem os aparelhos, pois estavam convictos que a criança não sobreviveria. Em desespero e envoltos com tanta tristeza ele autorizaram,

Mas o destino tinha uma surpresa, um milagre aconteceu. Dylan desafiando todas as expectativas se mexeu, os pais ficaram atônitos quando a equipe do “Queens Medical Hospital’, comunicou que o bebê tinha acordado, Imediatamente o menino foi submetido a um acompanhamento e tratamentos rigorosos. E o melhor aconteceu: ele venceu o câncer.

Agora Dylaz, teria uma nova chance, pq desde que nasceu ficou em um hospital, finamente ele pode ria para casa.
“Eu admito que não sou muito religiosa. Mas para mim, o que aconteceu com meu filho foi um grande milagre”, comentou a mãe, Kerry Askin. Quando comentamos isso ao nosso filho mais velho, ele disse que o que o ocorrido foi obra de Jesus’, acrescentou.

O problema de Dylan surgiu quando ele teve sérios problemas respiratórios e seus pulmões não pareciam funcionar. Os médicos identificaram que 80% dos pulmões estavam cobertos de cistos.

A doença rara chamada histiocitose pulmonar de células de Langerhans, leva a deterioração do pulmão.

No inicio do tratamento o bebê teve uma melhora, mas em um dia ele teve uma convulsão febril e contraiu pneumonia bacteriana.E foi dai que o levou ao estado de coma,e cada dia ficava mais fraco.

Até um dia que os médicos chamaram a família, para que se despedissem de Dylan, os médicos alegaram que não tinha mais nada a ser feito. Mas a surpresa chegou, e o pequeno acordou do como e em poucos dias o nível de oxigênio tinha sido restabelecido.

Hoje, os pai de Dylan, aderiram a trabalhos voluntários na CLIC Sargent, uma instituição de caridade que ajuda crianças com câncer.

Deixe uma resposta