‘Não é porque o bebê gosta’, diz pediatra sobre vídeo de Mayra Cardi

A life coach Mayra Cardi foi muito criticada, nesta quinta-feira (29), após publicar alguns stories no Instagram com sua filha, Sophia, de um mês. Nos vídeos, ela segurava a bebê no colo, sem sustentar o pescoço. Mayra chegou a dizer que a menina gostava de ficar naquela posição.

“Não é porque o bebê gosta. Até três meses, ele não consegue sustentar o pescoço. Na posição que colocar, ele vai ficar”, argumentou o pediatra Ênio Henrique Rios.

Veja também: Por que bebês no útero chutam? Veja o que dizem os cientistas

O profissional acrescentou, que a posição pode causar dores para o bebê e até prejudicar o desenvolvimento da sustentação do pescoço. No entanto, ele descartou a possibilidade de lesões.

“O problema é que vai ser desconfortável para o bebê. Com o tempo, a posição vai incomodar a região da cervical”, pontuou Rios. “Pode também prejudicar o desenvolvimento, no sentido da sustentação do pescoço”, acrescentou.

Algumas postagens nas redes sociais compararam a posição de Sophia ao chamado opistótono. No entanto, este não seria o caso nesta situação.

 

“É o nome da posição, em uma superfície plana. A gente chama de hiperextensão do pescoço, quando o bebê joga o pescoço para trás. No caso de um bebê tão pequeno, isso não é comum, já que ele não tem força para jogar o pescoço para trás”, explicou o pediatra.


++ Confira!

6 sintomas de gravidez que quase ninguém conhece!

Cuidados e dicas para os pais nos sete primeiros dias de vida do bebê

Mãe percebe “cheiro estranho” em seu carro e se lembra que esqueceu o bebê no banco traseiro

Deixe uma resposta