Erros comuns de mães de primeira viagem

É normal cometer alguns erros por falta de informação ou por excesso de cuidado. Confira os conselhos de quem já passou por essa fase

Acabar de enfrentar o parto e imediatamente ter que estar pronta para cuidar do seu bebê, e não conseguir fazer tudo pode causar desânimo e frustração. Será que existem muitos erros comuns de mães de primeira viagem?

As mamães de primeira viagem sempre se perguntam: Será que todas as leituras, conversas com o médico, amigas e família são suficientes? Será que nos momentos a sós com o meu bebê cometerei algum erro que o prejudique? É como se cada momento com o bebê fosse um teste final e cada erro fosse prejudicar a vida da criança.O importante, no entanto, é a mamãe lembrar de que a maternidade é uma experiência de aprendizado constante.

 O que as mães de primeira viagem precisam saber?

Cuidar do seu bebê quando acaba de dar a luz implica em um enorme esforço físico, mental e emocional.

Admitir suas limitações, delegar algumas funções, pedir ajuda aos familiares ou aos amigos durante as primeiras semanas após o parto pode ajudar a recém-mamãe a superar a situação. Ser capaz de pedir ajuda quando algo vai além de suas forças são atitudes importantes e que não as tornam mais fracas. Ao contrário, demonstram que são humanas e que têm bom senso, ou seja, mamães de primeira viagem, inexperientes, mas sensatas!

 

Erros comuns de mães de primeira viagem

Confira abaixo 18 coisas que a mamãe de primeira viagem precisa saber:

  1. Sua vida vai mudar depois que o bebê chegar em casa e vai mudar para sempre!
  2. Não tenha medo de dar banho no seu bebê, seu instinto materno fará com que esse medo desapareça;
  3. Os primeiros meses serão os mais cansativos e você terá a impressão de que será assim para sempre. Mas vai passar voando!
  4. Nem sempre amamentar é fácil. Você não nasceu sabendo amamentar e nem seu filho a mamar, mas logo vocês pegarão o jeito;
  5. Sim, você acordará a noite para amamentar e muitas vezes essas noites serão intermináveis;
  6. Os bebês têm cólicas;
  7. Cada pai se comporta de maneira diferente quando nasce o bebê, tenha paciência e converse muito com seu parceiro sobre a nova rotina;
  8. Comer e tomar banho serão atividades que nunca mais serão como antes;
  9. As refeições serão frias e os banhos rápidos;
  10. Mesmo que você tente falar sobre outros assuntos, o foco sempre será maternidade;
  11. Seu bebê está ganhando peso? Se sim, então está mamando o suficiente. Não existe leite fraco;
  12. A respiração irregular dos bebês é normal. Eles mudam de um ritmo ofegante para um ritmo bem devagar durante o dia. Mas isso é normal. Quando estiver acelerada apenas tente acalma-lo e deixe-o mais à vontade. Nos primeiros meses de vida a criança está aprendendo até a controlar a respiração;
  13. O amor nem sempre chega junto com o bebê. Ele acontece aos poucos e você não é uma péssima mãe por conta disso;
  14. Vai querer mostrar para todo mundo o quanto seu filho é lindo;
  15. Pode ser que seu corpo não volte a ser como antes;
  16. Em geral, os bebês evacuam enquanto mamam devido ao reflexo gastrocólico, que avisa o intestino que é “hora de funcionar”. Entretanto, perto de completar o primeiro mês isso muda, podendo até mesmo passar dois ou três dias sem defecar porque o organismo dele ainda se adaptando;
  17. Tudo aquilo que você falou que jamais faria quando fosse mãe, começará a fazer;
  18. Conforme seu bebê vai crescendo, você estará muito mais preparada para enfrentar situações difíceis como mãe.

Clique aqui para ler : Cuidados com o recém-nascido para mãe de primeira viagem. 

Deixe uma resposta