Mãe admite detestar seu terceiro filho

Mãe relatou que não gosta do seu filho caçula

Sob o anonimato do quadro #Confissõesdadonacegonha , uma mãe usou a página para expressar seu ressentimento pelo terceiro filho. Ela escreveu que ama suas duas filhas mais velhas, de 6 e 8 anos, mas admitiu que realmente não gosta nada de seu filho caçula. E o motivo é que ele não era desejado desde o começo.

“Eu chorei muito quando percebi que estava grávida”, escreveu ela. “Eu não queria engravidar novamente, por isso usava métodos contraceptivos. Mas era tarde demais para um aborto. Provavelmente daria para ter feito um, para ser honesta. Tanto o meu marido quanto eu estávamos bastante decididos a não ter mais filhos. Eu odiei ter um novo bebê quando minhas duas filhas mais velhas estavam com 3 e 5 anos, respectivamente. Foi como ter a pena de prisão estendida logo antes da liberdade”, escreveu ela.

A mulher afirmou ainda que suas filhas mais velhas haviam sido como bebês dos sonhos, que dormem a noite toda e deixam os pais descansarem. Mas não ocorreu o mesmo com o terceio filho. “Ele foi um pesadelo. Tinha cólicas e refluxo. Gritava, gritava e gritava. Posso afirmar honestamente que ele quase acabou com o meu casamento. Não dormimos na mesma cama que o meu marido durante meses, porque tivemos trocar turnos dormindo em casa de amigos para poder descansar um pouco, de tanto que ele gritava”, escreveu ela.

“Eu honestamente o odiava nos primeiros 18 meses de sua vida. Agora ele tem 3 anos e meio e, apesar de tudo aquilo ter passado, nossa relação ainda é muito fria. Eu ainda não… Não gosto dele. Estou lutando para me relacionar com ele. O problema é separá-lo das lembranças de ver meu casamento quase desmorando e a minha carreira sendo absolutamente destruída por ele ter nascido. Tenho o sentimento que ele veio contra minha vontade, apenas por uma falha no controle da natalidade”, disse ela.

A mãe afirmou que já procurou dois terapeutas mas que não obteve a ajuda que buscava. Decidiu então publicar sua história online como um pedido de socorro. “Eu estou ciente de que estou confundindo a cabeça dele e que ele vai crescer sabendo que é o filho menos querido. Eu me sinto culpada por isso e é por isso que estou aqui”, escreveu ela. “Sei que ele não pediu para ser trazido para este mundo. Ele merece o melhor, mas não sei como me fazer sentir de forma diferente”.

4 comentários sobre “Mãe admite detestar seu terceiro filho”

  1. Procure conhecer o Seu Criador e Pai da maternidade, Só Ele ninguém mais vai poder dar a vc o verdadeiro entendimento do proposito de vida que Ele tem p vc e seu filho! Infelizmente a vida não é como sonhamos, para ninguém, mas vc é uma boa pessoa por manter o bebê e ter essa consciência então Faça isso urgente, se abra pq o resultado de ter um filho c feridas de rejeição pode ser desastroso e ainda há muito tempo para se corrigir isso. Deus abençoe.

  2. Eu não julgo vc sei que vc tá passando por um sentimento ruim Deus tá no controle da tua vida. Tenho três filhos lindos cada um de um casamento a última não foi fácil me deu muito trabalho e ainda me dá mas posso te dizer amo ela mas que tudo . quando engravidei dela odiei pq não me via mãe de três filhos no momento não tinha nenhum amor materno com ela ,fiz a primeira ultra-som naquele momento me deu um pouco de alegria com tristeza no começo também tomei remédio pra não ter ela.enfim fui pegando amor aos poucos hoje posso te dizer meu amor por ela é igualmente os dois filhos hoje só tenho que agradecer a Deus por ter me dado essa dádiva de ser mãe de três filhos lindos que amo muito.

  3. Tudo tem um propósito, estou passando por um momento parecido, depois de quase 6 anos engravidei denovo, tinha pavor de ter outro filho, mas por um falha minha ele está aqui, estou de 2 meses, tenho qse 42 anos, estou desempregada, no momento, nossa situação financeira é delicada, qdo comecei procurar emprego descobri a gravidez, meu esposo e minha filha estão radiantes e isso é o que me anima, minha gravidez é delicada pois coloquei o DIU sem saber q estava grávida e agora não dá para tirar, mas é vida que segue, este bebê veio para melhorar nossas vidas, apesar das dificuldades financeiras ele já está aqui e está sendo bem aguardado pela família, qto ao teu sentimento peça para Deus tirar ele de vc, não sabemos os propósitos de Deus e com certeza essa criança vai ainda te dar muitas alegrias.

  4. Será o filho que mais lhe dará orgulho. É uma pena dolorosa ver que carrega um sentimento tão ruim por alguém que veio iluminar sua vida. Um ser tão inocente. Espero que isso não seja um desastre na sua vida quando crescer. Que Deus tire isso do seu coração.

Deixe uma resposta